Dicas & Novidades

Mulheres avançam e vão contar com marcante representação na diretoria da Fenacor

28/03/2014
Fonte: CQCS

A gestão 2014-2018 da Fenacor terá duas mulheres na diretoria plena da entidade: Maria Filomena Branquinho (presidente do Sincor-MG) no cargo de vice-presidente de Marketing e Eventos da Federação e Cláudia Cândido Diniz (presidente da Sincor-PE) no cargo de vice-presidente de Benefícios e Patrimônio). A configuração comprova o avanço da representação feminina junto às entidades representativas de classe: além de liderar a categoria em seus respectivos estados, elas estão na composição da chapa única inscrita para concorrer às eleições previstas para 8 de abril.

?Ser convidada para participar de algum cargo junto à nossa Federação é uma honra e também uma forma de reconhecimento do trabalho feito ao longo dos anos?, comenta Maria Filomena, apontando que o fato não é inédito, pois ela já exerceu em gestões anteriores, juntamente com a corretora Rose Maria Rodrigo Otavio, do Rio de Janeiro, cargo diretivo na Fenacor. ?E eu ainda tenho um cargo de diretora Social na gestão que está findando?.

Segundo Filomena, ?não existem desafios da mulher corretora, mas os desafios da classe dos corretores de seguros, tais como concorrência desleal e predatória de atravessadores de seguros, altas alíquotas de imposto, elevados custos para manter uma empresa e, infelizmente, falta de ética de alguns no exercício da profissão?.

Nesse sentido, ela indica que, para ter sucesso na carreira, jovens corretoras devem agir sempre com profissionalismo, competência e ética, que são predicados exigidos em todas as atividades, independente do sexo. ?São os maiores pilares de qualquer profissão e na atuação de corretor de seguros não deve ser diferente, além da reciclagem e aperfeiçoamento constante?, completa Filomena.

Já a presidente do Sincor-PE, Cláudia Cândido Diniz, conta que pertence a uma família com profundos laços de identidade profissional com os segmentos de seguros. ?Cresci e me capacitei profissionalmente, prestando muita atenção no desempenho de meu pai Bertier, destacado entre os mais bem conceituados corretores do ramo de seguros do nosso estado de Pernambuco e da região Nordeste?, ressalta.

Cláudia lembra que logo cedo percebeu que o fato de pertencer ao sexo feminino não constituía empecilho ou obstáculo para conquistar um lugar onde pudesse trabalhar pela categoria. ?Verifiquei que a disciplina, que, aliás, é uma qualidade muito inerente às mulheres, aliada ao estudo e à busca de informações sempre atualizadas a respeito das tendências do mercado, abriam a trilha necessária para uma boa performance profissional?.

O caminho foi participar de palestras, seminários, congressos e workshops, ouvindo os mais experientes e acompanhando as análises e opiniões dos vencedores do segmento, que são ferramentas importantes para avançar no mercado e alcançar grandes conquistas, de acordo com Cláudia.

?Sempre me pautei por metas de desempenho e de resultados semestrais e anuais em nossa corretora, detalhe este que me ajuda bastante a manter o ritmo de trabalho e fazer correções de rumo quando é necessário. Enquanto me aprofundava na profissão, verifiquei que o Brasil avançou muito e que já não existem mais aqueles antigos preconceitos contra a presença da mulher nos mais diferentes setores do mercado?, avalia Cláudia.

Ela reforça que a palavra de ordem dos nossos dias é a eficiência e a objetividade na condução de uma empresa. ?E é isso que eu tento conquistar todos os dias quando saio de casa para o trabalho, sem me descuidar da necessária assistência à minha família. Devo confessar que para mim e meus familiares, essa inesperada convocação para uma diretoria da Fenacor é motivo de muito orgulho e, ao mesmo tempo, um grande desafio que pretendo vivenciar com destemor e com muita vontade de fazer merecer essa indicação?, acrescenta.

Cláudia aponta ainda que tem acompanhado a evolução da Fenacor há muitos anos, mantendo laços de amizade com diretorias anteriores. ?Admiro muito o trabalho do nosso presidente, Armando Vergílio, que é um grande líder e trabalha a cada dia mais, visando o crescimento da nossa profissão, como corretores de seguros?.

Sobre a nova função, Claúdia avalia que terá a oportunidade de discutir alternativas com a diretoria da Fenacor para apresentar projetos baseados no respeito e na antiga convivência com a instituição, bem como na expertise adquirida à frente do Sincor-PE, ?visando promover e elevar o prestígio da nossa categoria profissional perante a sociedade como um todo?.

Confira a seguir a composição da próxima diretoria plena da Fenacor:

Presidente ? Armando Vergílio Vice-Presidente de Relações Institucionais ? Celso Vicente Marini Vice-Presidente de Benefícios e Patrimônio ? Cláudia Diniz Vice-Presidente de Relações com o Mercado ? Dorival Alves de Sousa Vice-Presidente de Marketing e Eventos ? Maria Filomena Branquinho Diretor Secretário ? Joaquim Mendanha de Ataídes Diretor 2º Secretário ? Alberto Célio Cotrin Leite Diretor Tesoureiro ? Claudio Simão Diretor 2º Tesoureiro ? Antônio Ferreira Mota de Albuquerque

Unidos somos mais fortes Clube do Seguro - Feira de Santana - BA.

Escolha um
corretor e
solicite cotação
para seu seguro.